Série – Quem sou eu?


eye

.

Bem, chegamos ao último artigo da série “Quem sou eu?” e trataremos de algo que muitas vezes tira o sono de muitos, outros passam anos de suas vidas tentando descobrir essa resposta, e muitos outros acabam encontrando a morte antes de encontrar essa tão desejada resposta.

Afinal, quem sou eu no Reino? Qual é o meu ministério?

Hoje, infelizmente, existem vários meios errados que as pessoas tem usado para descobrirem quem são. Qual é o nosso ministério. Começamos, muitas vezes, ajudando em questões da igreja e as vezes até pensamos que o Reino de Deus funciona como uma empresa, onde eu começo como office-boy e posso chegar a presidente da empresa, subindo de cargo de acordo com a minha dedição e vontade. (mais…)

Anúncios

“Qual culto você vai assistir hoje?”
“Hoje o culto não foi tão bom, não gostei da mensagem do pastor.”
“Por que o dirigente de adoração tem que ficar repetindo santo, santo, santo tantas vezes? Canta uma vez só e vai pra outra música!”

Você já ouviu essas frases? Ou algo parecido?

Essas são algumas das muitas frases que eu e você estamos acostumados a ouvir toda semana nas igrejas, não é verdade? Se não toda semana, posso certamente dizer que essa não é a primeira vez que você “ouve” essas frases. (mais…)

Quem Deus diz que eu sou?

“Porque, se com a tua boca confessares a Jesus como Senhor, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo;
pois é com o coração que se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação.”
Rm 10:9-10

Como aprendemos, nossa boca reflete o que está em nosso coração, e o apóstolo Paulo, conhecendo bem esse princípio, deixou bem claro o que é preciso para adquirir a salvação em Cristo. Confessar com a BOCA e crer com o CORAÇÃO. Um não funciona sem o outro. Se eu não crer, o que sair da minha boca não será verdadeiro, por outro lado, não adianta eu crer e nunca confessar a Jesus como meu salvador. Existe uma necessidade cumprirmos essa palavra em sua totalidade. (mais…)

Se você leu a primeira parte desse artigo, você já entendeu alguns princípios sobre santidade e como suas atitudes definem quem você é.

Provavelmente, você parou para se perguntar: “Quem sou eu?”, certo? Ou pelo menos você pode ter pensado: “Eu sei quem eu sou!” Bem, eu sinceramente espero que você saiba e ajude aqueles que ainda não descobriram quem são, ou, talvez, que você analise esse artigo com atenção, pois pode ser que você acabe descobrindo como saber mais sobre quem você é. Existem pessoas que passam anos de sua vida tentando descobrir quem verdadeiramente são e muitas delas acabam morrendo sem jamais descobrir essa verdade. Mas se você é um desses que ainda não sabe, vamos estar discutindo dois pontos que eu creio que vão te ajudar na busca desta resposta. (mais…)

Vivemos hoje em um mundo virtual! Orkut, Facebook, MySpace, Hi5, enfim, são inúmeros os sites de relacionamento disponíveis na web que disputam acirradamente pelo maior número de participantes. Dentro desse mundo, uma idéia foi criada, a idéia de ser amigo, amigo de todos, ser conhecido e conhecer o maior número de pessoas possível. Na verdade não tem nada de errado em conhecer muitas pessoas, nem digo que está errado participar de sites de relacionamento como estes citados acima, eu mesmo participo de dois desses que eu citei. Mas não posso deixar de enfatizar algo sobre essa febre virtual.

A primeira coisa que se vê quando se abre um “profile” de alguém é uma pergunta muito importante: “Quem sou eu?”, nesse espaço a pessoa coloca uma descrição, às vezes breve, outras vezes mais detalhadas, de quem ela é. (mais…)